Justiça realiza reintegração de posse em Taboão da Serra | TVPAULISTA.com Televisão para dispositivos móveis

Área era ocupada por três mil famílias.   A 1ª Vara Cível da Comarca de Taboão da Serra cumpriu, na última semana (22 e 23), ordem de reintegração de posse em área ocupada por movi...

tjsp, telefonica, dano, telefonia, conta, dano, ofensa, ticket, ingressos, cartilha, abuso, reintegração, posse

Justiça realiza reintegração de posse em Taboão da Serra

Publicado por: Editor
27/11/2018 03:17 AM
Divulgação/TJSP
Divulgação/TJSP

Área era ocupada por três mil famílias.

 

A 1ª Vara Cível da Comarca de Taboão da Serra cumpriu, na última semana (22 e 23), ordem de reintegração de posse em área ocupada por movimentos sociais no Parque Laguna. O terreno, de 136 mil m², estava ocupado há três anos e contava com, aproximadamente, três mil famílias.

 

A reintegração foi determinada pelo juiz Rafael Rauch, após acordo promovido entre representantes das famílias e dos proprietários não ter sido cumprido pelos ocupantes. Para a Secretaria da Segurança Pública do Estado o cumprimento da ordem devia ser adiado, em razão do Decreto Estadual nº 63.776, de 31/10/18, que impõe a necessidade de comunicação do planejamento da ação ao secretário da pasta. Mas, o magistrado manteve a decisão, uma vez que a reintegração foi determinada em data anterior à edição do referido decreto. “A reintegração é de conhecimento das autoridades faz bastante tempo”, escreveu o juiz. “Percebe-se, nesses termos, que, aparentemente, todas as medidas de segurança foram tomadas pelos órgãos competentes, não havendo motivos para o adiamento do cumprimento da ordem de reintegração de posse”, concluiu.

 

Em ofício encaminhado à Presidência do Tribunal de Justiça de São Paulo, o secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, requereu a suspensão da ordem, mas o presidente Manoel de Queiroz Pereira Calças não acolheu o pedido e manteve a decisão proferida pelo magistrado, determinando o imediato cumprimento da reintegração. 

 

O cumprimento da ordem – sob o comando do major PM Celso Marrone (coordenador operacional do 36º BPM/M Embu e Taboão) – foi exitoso em razão do apoio de cerca de 300 policiais militares e de integrantes da Guarda Civil Municipal de Taboão da Serra, razão pela qual o presidente Pereira Calças elogiou a PM e a GCM por terem atuado com inteligência, firmeza, prudência e alta profissionalidade.

 

Processo nº 0002671-85.2018.8.26.0609

 

Fonte: Comunicação Social TJSP 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

REVENDA MODA INFANTIL