EUA pagam o dobro para desviar carregamentos de máscaras adquiridas pela França | TVPAULISTA.com Televisão via Internet

As autoridades francesas estão a acusar os Estados Unidos de terem pago para desviar um carregamento de máscaras faciais oriundo da China.   Este episódio é apenas mais um na saga sobre a escassez de máscaras de proteção. No desespero para lutar contra...

noticias, artigos, notas, releases, pautas, tv, acontecimentos, fatos, reportagens

EUA pagam o dobro para desviar carregamentos de máscaras adquiridas pela França

Publicado por: Editor
03/04/2020 11:34 AM
Courtesy Pixabay
Courtesy Pixabay

As autoridades francesas estão a acusar os Estados Unidos de terem pago para desviar um carregamento de máscaras faciais oriundo da China.

 

Este episódio é apenas mais um na saga sobre a escassez de máscaras de proteção. No desespero para lutar contra a epidemia, os Estados Unidos parecem não hesitar em adotar práticas agressivas.

 

A competição para obter máscaras fabricadas na China é tanta que os norte-americanos as compram diretamente nas pistas dos aeroportos chineses antes de iniciarem a sua viagem para França.

 

“Na pista, os norte-americanos oferecem dinheiro e pagam três ou quatro vezes o preço dos pedidos que fizemos, temos de lutar”, disse Jean Rottner, presidente da região francesa Grand Est, no leste do país, em declaração à rádio francesa RTL.

 

Segundo Rottner, os aviões partem em seguida rumo aos Estados Unidos – e não à França. “É complicado, lutamos 24 horas por dia” para ter as máscaras, disse, explicando que criou uma célula especial na sua região para tratar a questão. Uma remessa do material seria distribuída a profissionais que trabalham em lares de idosos.

 

Muselier também reclamou das práticas norte-americanas e do desvio das mercadorias com a oferta de um valor mais alto. “A maior dificuldade é a entrega. Diante deste problema, estamos a aumentar a segurança das remessas para que não sejam comprada por outros”, reiterou.

 

Em declarações à estação televisiva Russia Today, o responsável explicou que o carregamento, que continha cerca de 60 milhões de unidades deste equipamento de proteção, deveria ter chegado ao país nas últimas horas, mas “houve problemas com a entrega”.

 

Mossad

Depois de meses de recomendação aos cidadãos norte-americanos para evitarem o uso de máscaras cirúrgicas, os Estados Unidos estão  mudando de estratégia, tomando como exemplo os vários países asiáticos. A ideia é apoiada por Donald Trump, que aconselhou as pessoas a criarem as suas próprias máscaras improvisadas, caso não consigam obter o material médico.

 

França conta com 56.989 casos confirmados de infeção por Covid-19 e 4.032 mortos. Já os Estados Unidos são o país com o maior número de casos de infeções: mais de 210 mil casos e 4.475 mortes.

 

Fonte: Planeta ZAP // RFI

 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

REVENDA MODA INFANTIL

Vídeos relacionados