Defenda PM cria metodologia de ensino para escola cívico-militar

Publicado por: Editor
16/12/2021 11:54 AM
Divulgação
Divulgação

Primeira unidade, inaugurada em São José do Rio Preto, terá capacidade para 500 alunos e começa a funcionar em 31 de janeiro

 

Foi inaugurada, em São José do Rio Preto, a primeira escola cívico-militar de São Paulo a adotar uma nova metodologia de ensino criada por oficiais da Associação de Oficiais Militares do Estado de São Paulo em Defesa da Polícia Militar (DEFENDA PM). A unidade atenderá 500 alunos do Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano) e Ensino Médio (1º ao 3º ano) a partir de 31 de janeiro de 2022, em uma parceria com a UNITERP.

 

O modelo de educação cívico-militar adotado será o EFM, desenvolvido e registrado pelos oficiais Ernesto Puglia Neto, Fábio Rogério Cândido e Márcio Cortez Maya Garcia. “Nossa metodologia difere dos modelos que colocam o aluno em forma e o fazem marchar. Queremos construir hábitos virtuosos por meio de uma disciplina exclusiva, desenvolvida por nós, que fomenta o desenvolvimento pessoal e a preparação para a vida”, explica Puglia Neto.

 

Segundo o coronel PM Luiz Gustavo Toaldo Pistori, presidente da DEFENDA PM, “o formato busca aliar a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), dentro de um processo pedagógico rigoroso e de qualidade”. “Ele visa adotar práticas voltadas à formação do cidadão com base em valores e princípios sólidos e preparar o aluno para os estudos superiores e o mercado de trabalho”, completa.

 

O modelo EFM de educação cívico-militar propõe uma educação integral que vai além da exigência e desenvolvimento de disciplina e respeito. “Buscamos não apenas a excelência intelectual, mas o desenvolvimento de atitudes que fortaleçam e amplifiquem os conhecimentos adquiridos, impulsionando o seu emprego em prol do bem comum e da sociedade. Queremos capacitar o aluno para assumir o protagonismo de seu próprio futuro e de se portar como um influenciador positivo dentro da sociedade”, afirma Puglia Neto, um dos criadores do modelo.

 

Segundo a DEFENDA PM EDUCACIONAL, um dos braços da associação, o formato não se pauta somente na correção de atitudes equivocadas, mas também no estímulo de atitudes positivas, de forma a desenvolver no jovem adolescente o hábito de agir corretamente.

 

Dentre os diferenciais exclusivos do modelo, está a Cadeia de Liderança, que se baseia em sistemas de liderança existentes em academias militares, adaptada para o ambiente escolar. “A metodologia foi criada pensando na melhoria do cidadão e da sociedade local. É praticamente uma ação de prevenção primária, que pretende evitar o envolvimento dos jovens com o delito”, pontua Puglia Neto.

 

Outro diferencial é a disciplina Liderança Cidadã, que complementa os conhecimentos transmitidos pela BNCC ao mesmo tempo em que promove o autoconhecimento e o desenvolvimento de competências como a liderança, a comunicação, o planejamento pessoal e financeiro, entre outras, e fortalece o sentimento de civismo e cidadania.


Matrículas abertas
O local conta com 14 salas de aula, quadra esportiva, laboratório de ciências, de informática, e biblioteca com acessibilidade. As matrículas já estão abertas. Para entrar na escola, não precisa ser filho de militar ou policial. Embora seja um colégio particular, constituído a partir de uma parceria entre a DEFENDA PM e a UNITERP, serão oferecidas bolsas integrais de estudos, captadas pela Associação junto à iniciativa privada, para beneficiar jovens carentes.

 

Outras parcerias estão sendo firmadas pela DEFENDA PM e entidades privadas de ensino, como é o caso de Araçatuba, possibilitando que, em breve, mais unidades sejam inauguradas.

 

Para mais informações sobre o colégio ou a metodologia educacional, entre em contato pelo e-mail: educacional@defendapm.org.br

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Comentários