SBTVD divulga os resultados dos testes do novo padrão da TV Digital aberta

Publicado por: Editor
19/01/2022 03:10 PM
Divulgação
Divulgação

Projeto da TV 3.0 segue para a Fase 3 e tem previsão de implantação em 2024

 

Após cinco meses de testes de laboratório e de campo do Projeto TV 3.0, o Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital Terrestre (Fórum SBTVD), que trabalha para a implantação e o desenvolvimento da TV Digital no Brasil, compartilha os principais resultados das tecnologias a serem recomendadas para a Fase 3 do projeto da TV do futuro. 

 

Segundo Luiz Fausto, coordenador do Módulo Técnico do Fórum SBTVD, o Projeto TV 3.0 coloca mais uma vez o Brasil na vanguarda da TV Digital no mundo. "Assim como fizemos ao especificar o primeiro sistema de TV Digital do Brasil em 2007, estamos trabalhando para desenvolver o melhor sistema de TV Digital para o futuro do Brasil. Os resultados da Fase 2 foram excelentes, confirmando que estamos na direção certa".

 

Sendo assim, os resultados apontaram que a tecnologia ROUTE/DASH performou melhor para a Camada de Transporte, sendo mantido o suporte opcional do streaming HLS para a distribuição de conteúdo alternativo pela Internet. Para Captions será adotado o IMSC1 para a distribuição over-the-air e pela Internet, mantendo o suporte opcional ao WebVTT para a distribuição de conteúdo alternativo pela Internet.

 

Já para a Codificação de Aplicações será adaptado e estendido o DTV Play, incluindo as propostas satisfatoriamente testadas (MPEG-H Audio, Guaraná e NCL 4.0) e considerando incluir partes das propostas Advanced ISDB-T, DTNEL Application Coding e ATSC 3.0 (a depender do resultado das suas prototipações).

 

Para Video Base Layer, o VVC será adotado para o vídeo principal (tanto over-the-air quanto pela Internet) e serão realizadas avaliações subjetivas de qualidade de vídeo para determinar o bitrate necessário para codificação real-time em diferentes resoluções. Além disso, será avaliado a codificação de vídeo mais adequada para transmissão de segundo vídeo com intérprete de língua de sinais. 

 

Os resultados apontaram também, que o Video Enhancement performará melhor com uma combinação de Dynamic Resolution Encoding e LCEVC. Além disso, para a parte de Video será adotado o MPEG-H para a distribuição over-the-air e pela Internet, mantendo os demais formatos de áudio suportados atualmente na TV 2.5 para distribuição de conteúdo alternativo pela Internet (incluindo suporte opcional ao AC-4).

 

Já para HDR DM será adotado o HDR10 como base (formato já suportado em todos os televisores HDR), com suporte opcional aos metadados dinâmicos Dolby Vision, HDR10+ e SL-HDR2 (tanto over-the-air quanto pela Internet), mantendo o suporte opcional ao HLG e ao SL-HDR1 para a distribuição de conteúdo alternativo pela Internet.

 

Além disso, para VR Codec será adotado o V3C para inclusão nas normas da TV 3.0 (o suporte não será obrigatório em todos os receptores, o foco será em distribuição de conteúdo pela Internet e consumo em smartphones e HMDs). Para o EWBS Manager, a tecnologia satisfatória foi o ATSC 3.0 AEA.

 

Por fim, na Camada Física serão necessários testes adicionais, utilizando equipamentos com suporte a reuso-1, MIMO e channel-bonding.   



Próximos passos

Segundo Luiz Cláudio da Silva Costa, presidente do Fórum SBTVD, o resultado da Fase 2 do Projeto TV 3.0 se deve à exitosa parceria entre o Fórum SBTVD e o Ministério das Comunicações. "Continuaremos contando com o apoio do Ministério das Comunicações ao longo das próximas etapas desse projeto, para que possamos juntos completá-lo e entregar à população brasileira, mais uma vez, o melhor sistema de TV Digital possível, mantendo seus atributos como ferramenta de acesso gratuito, universal e democrático à informação e entretenimento, e como importante fator estratégico para a integração nacional e coesão social."

 

Na Fase 3, o Fórum SBTVD dará andamento nos testes complementares para seleção da tecnologia da camada física, desenvolvimento das adaptações e extensões necessárias à especificação da camada de transporte, avaliação subjetiva da qualidade da codificação de vídeo (determinação do bitrate necessário), desenvolvimento de adaptações e extensões para DTV Play para TV 3.0 Codificação de Aplicativos, elaboração de normas técnicas ABNT para TV 3.0, desenvolvimento de testes de interoperabilidade, demonstrações, entre outras atividades. 

 

A TV 3.0 tem lançamento previsto para 2024.


O projeto 

A TV 3.0 é o novo sistema de TV aberta cujo desenvolvimento é realizado pelo Fórum SBTVD, que substituirá o sistema atual. O novo padrão trará inúmeras melhorias na experiência do telespectador, entre elas: mais qualidade de som e imagem, conteúdo segmentado geograficamente e de acordo com o perfil do telespectador, uma integração ainda mais transparente entre TV aberta e Internet - combinando os serviços de radiodifusão e internet.

 

Saiba mais sobre: https://forumsbtvd.org.br/tv3_0/ 


SOBRE O FÓRUM SBTVD

O Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital Terrestre (Fórum SBTVD) é uma entidade sem fins lucrativos que contribui para o desenvolvimento da TV digital no Brasil, proporcionando maior qualidade de sinal, mobilidade e interatividade na vida dos brasileiros.

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Vídeos relacionados

Comentários