8.727 jornalistas nacionais e estrangeiros registram crimes de guerra da Rússia na Ucrânia

Publicado por: Editor
24/05/2022 10:50 AM
Exibições: 154

Os crimes de guerra da Rússia na Ucrânia são documentados por 8.727 jornalistas da mídia nacional e estrangeira

 

Até hoje, 24 de maio, o Ministério da Defesa credenciou 8.727 representantes da mídia nacional e estrangeira para cobrir os eventos nas áreas de hostilidades e informar sobre os crimes de guerra da Federação Russa na Ucrânia.

 

De acordo com a vice-ministra da Defesa da Ucrânia Hanna Malyar, um total de 9.362 pedidos de credenciamento foram recebidos até o momento.

 

Para receber o pré-cartão eletrônico relevante, os jornalistas precisam preencher um questionário no formulário e enviar a lista de documentos especificada no questionário .

 

"Atualmente, mais de meio mil trabalhadores da mídia estão em processo de obter o direito oficial de cobrir os eventos da guerra", disse ela.

 

 Se for necessário verificar a validade do credenciamento, o número de telefone relevante 0894201864 é válido .

 

De acordo com Anna Malyar, o credenciamento é realizado de acordo com a ordem do Comandante-em-Chefe das Forças Armadas de 3 de março de 2022 № 73 "Sobre a organização da cooperação entre as Forças Armadas da Ucrânia, outros componentes de defesa e o mídia durante o regime da lei marcial" da Ucrânia.

 

Nota da Redação: Contactada a embaixada da Ucrânia no Brasil nao respondeu ao nosso pedido de confirmação do telefone para credenciamento de imprensa citado na reportagem . 

00 XX 380 44 xxxxxxxxx

  • 00 é o prefixo internacional usado para discar do Brasil para Ucrânia.
  • XX é o código da operadora local para saída em ligações internacionais, usado para discar do Brasil para Ucrânia.
  • 380 é o código internacional DDI para Ucrânia.
  • 44 é o código da cidade de Kiev usado para discar.

 

Com informações da Agência ArmyInform

Compartilhar

Comentários