Turquia ameaça invadir ilhas gregas a “qualquer momento”

Publicado por: Editor
09/09/2022 07:42 PM
Exibições: 43
Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan/Tolga Bozoglu / EPA
Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan/Tolga Bozoglu / EPA

O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, afirmou recentemente que a “ocupação da Grécia nas ilhas do Mar Egeu” não faz com que a Turquia esteja imóvel.

 

“Um dia”, Ancara poderá ter “de fazer o necessário” o que pode acontecer “a qualquer momento”, ameaçou, aludindo a uma possível invasão.

 

São algumas as questões entre os dois países: a divisão do Chipre, a soberania de ilhas no Mediterrâneo oriental e a política migratória. Ambas as nações pertencem à NATO, aliança militar que estipula que um ataque a um Estado-membro é um ataque a todos, lembrou o Observador.

 

“Há algumas ameaças ilegítimas contra nós”, disse Erdogan. “Se essas ameaças ilegítimas continuarem, há um fim para a paciência. Não é um bom sinal ver nos radares os vossos aviões. Essas coisas feitas pela Grécia não são um bom sinal”, afirmou o líder turco.

 

“Gregos, olhem para a História. Se forem mais longe, pagarão um preço elevado”, reforçou ainda.

Na terça-feira, numa visita à Bósnia-Herzegovina, Erdogan reafirmou as ameaças: “Se disse que [a Turquia] poderia vir uma noite assim de repente [às ilhas gregas], então, quando o tempo chegar, claro que pode vir de repente uma noite”.

 

E continuou: “Espero que Atenas analise as relações com a Turquia. Caso contrário, como já disse, pode haver um ataque a qualquer momento”.

 

No fim do semana, o ministério dos Negócios Estrangeiros grego emitiu um comunicado, assegurando que o país “não ia acompanhar a Turquia” nas ameaças diárias “ultrajantes” e que “ultrapassam todos os limites”.

 

“Informaremos os nossos aliados e parceiros no que diz respeito a estas declarações provocativas, de maneira a tornar claro quem está a minar a coesão da aliança”, destacou, assegurando que “continuaria a ser um pilar de estabilidade e segurança para toda a região”.

 

Esta terça-feira, o ministro dos Negócios Estrangeiros grego, Nikos Dendias, frisou: “Aconselho a qualquer pessoa que sonhe atacar e conquistar [a Grécia] para pensar três ou quatro vezes”, insinuou. Também o primeiro-ministro grego, Kyriákos Mitsotákis, considera “inaceitáveis” as ameaças de Ancara.

 

O porta-voz da Comissão Europeia, Peter Stano, classificou as declarações da Turquia de “hostis”, sublinhando que “a soberania e a integridade dos Estados-membros da União Europeia devem ser respeitadas”.

Originalmente publicado por: Planeta ZAP

 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Comentários