FBI: China nega a alegação que o COVID-19 vazou de um laboratório chinês

Publicado por: Editor
01/03/2023 16:55:34
Exibições: 56
Cortesia Editorial Pixabay
Cortesia Editorial Pixabay

A China declarou "manipulação política" na questão de determinar a origem do COVID-19.

 

Isto foi relatado pela Associated Press com referência ao comentário da porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da República Popular da China, Mao Ning.

 

"Parafraseando a teoria do vazamento (vírus ) do laboratório, os EUA não serão capazes de desacreditar a China, mas apenas prejudicarão sua própria autoridade. Apelamos aos EUA que respeitem a ciência e os fatos... que parem de transformar a determinação da origem (do vírus ) em algo político e de inteligência, bem como parem de violar a solidariedade e a cooperação social na questão da origem ," ela disse.

 

Respondendo aos comentários feitos pelo diretor do FBI, Christopher Wray, Mao disse que o envolvimento da comunidade de inteligência dos EUA era prova suficiente da politização de rastrear a origem do vírus.

 

Anteriormente, o diretor do Federal Bureau of Investigation, Christopher Wray, disse que a pandemia do COVID-19 provavelmente foi causada por um vazamento de um vírus perigoso de um laboratório na China.

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Comentários